Escreva para pesquisar

59% dos empresários brasileiros apostam na inteligência artificial

Os CEOs brasileiros são os que mais declararam que devem investir em inteligência artificial a longo prazo, segundo indica a 22ª Pesquisa Global com CEOs da PwC (22st Annual Global CEO Survey). De acordo com o levantamento, 59% dos entrevistados no País responderam que esta tecnologia estará presente em seus negócios nos próximos cinco anos. Trata-se de um  dado relevante considerando que a média de CEOs globais que vão utilizar inteligência artificial ficou em 40%, enquanto as outras regiões ficaram também abaixo em comparação com o Brasil – Ásia Pacífico (39%), América do Norte (41%), América Latina (46%), Europa Ocidental (48%), Oriente Médio (49%) e África (52%).

“O uso da Inteligência Artificial já é uma realidade em várias economias do mundo e chegou a hora das empresas brasileiras intensificarem sua atuação nesta dimensão. O interesse dos nossos CEOs nesse sentido é um grande avanço para que o Brasil atenda, cada vez mais, às demandas de seus stakeholders”, afirma o sócio-presidente da PwC Brasil, Fernando Alves.

A pesquisa também indica que os executivos no Brasil estão com melhores expectativas em relação ao crescimento de suas companhias nos próximos 12 meses. Cerca de 43% dos líderes brasileiros acreditam que suas empresas devem crescer ao longo de 2019. Na pesquisa anterior, que considerava o sentimento para 2018, esse índice era de 39% (um aumento de 4 pontos percentuais).

Para confirmar o aumento no faturamento de suas empresas, cerca de 91% dos CEOs brasileiros esperam ter crescimento orgânico em 2019, enquanto 89% buscarão aprimorar a eficiência operacional, 76% devem lançar novos produtos e serviços e 57% visam trabalhos conjuntos com empreendedores e startups. As alianças e possíveis joint-ventures estão nos planos de 52% dos líderes brasileiros nos próximos 12 meses e outros 39% devem participar de processos de fusões e aquisições.

Tags

Send this to a friend