Escreva para pesquisar

Avery Dennison investe em nova fábrica de RFID no Brasil

A Avery Dennison anuncia a implantação da sua próxima fábrica de RFID (identificação por radiofrequência), a primeira no Brasil e a quinta no mundo. A nova fábrica será localizada em Vinhedo (SP) e tem inauguração prevista para 2021.

Com sede na Califórnia, nos Estados Unidos, a empresa possui várias divisões, entre elas a que oferece soluções de RFID para diferentes setores da economia. A companhia emprega cerca de 30 mil funcionários, em mais de 50 países, e em 2019 registrou faturamento de US$ 7,1 bilhões.

O anúncio da nova unidade no Brasil ocorre alguns meses após a Avery Dennison adquirir a divisão de transponders da multinacional Smartrac. Com essa transação, os negócios de RFID da Avery Dennison representarão uma plataforma global com receita estimada em US$ 500 milhões, além do crescimento do portfólio de produtos.

Aposta no Brasil

A nova planta no Brasil fabricará uma ampla variedade de designs de inlays. A companhia tem parceria com as empresas Impinj e NXP para o desenvolvimento de etiquetas RFID de nível internacional.

“Estamos muito orgulhosos em anunciar esse investimento no país, pois representa um passo importante para o crescimento da indústria 4.0 não só aqui, como em toda a América do Sul. Tecnologia que, de forma comprovada, aumenta a precisão das informações relativas ao estoque, melhora a agilidade da cadeia de suprimentos e aumenta a visibilidade em todos os canais, além de possibilitar maior interação e engajamento com o consumidor”, afirma o vice-presidente e gerente geral da Avery Dennison na América Latina, Ronaldo Mello

Segundo a empresa, a nova fábrica terá potencial para atender o crescimento do mercado, comprovado pelas recentes demandas por projetos em diversos segmentos, como as soluções fornecidas ao Grupo Boticário.

“Acreditamos em um futuro em que todos os produtos terão identidade única e vida digitais com a habilidade de criar experiências de consumo mais ricas. Estamos comprometidos em desenvolver e expandir nosso negócio de etiquetas inteligentes para permitir essa visão em várias direções. Através de um sólido portfólio de soluções inteligentes de RFID, a nova unidade produtiva aumentará a velocidade e a entrega em toda a América do Sul, promovendo nossa visão de um mundo conectado”, afirma Melo.

Foto: Divulgação

Tags