Escreva para pesquisar

Código de barras GS1 apoia expansão da NUT Biscoitos

Pequenos negócios podem voar longe com o auxílio da tecnologia, como mostra o exemplo da NUT, empresa familiar que está há 20 anos no mercado produzindo biscoitos e pão de mel.

A empresa iniciou suas atividades por uma necessidade financeira da família, que precisava de mais uma fonte de renda em um momento difícil. Foi então que surgiu a ideia de produzir e vender biscoitos italianos tradicionais, aproveitando as receitas da família.

No início, a produção era feita na casa dos empreendedores de forma artesanal e os biscoitos eram vendidos para amigos e pequenos restaurantes e cafeterias como acompanhamento de café.

Com o passar do tempo, os pedidos começaram a aumentar e a marca chamou a atenção de uma grande rede varejista, que começou a negociar o fornecimento dos produtos. Aquele foi o momento da virada, pois a NUT precisou investir em uma transformação, saindo da produção artesanal para a montagem de uma cozinha industrial e a profissionalização do negócio.

Além disso, precisou utilizar o código de barras para fazer a venda das mercadorias. Para ajudar nesse aspecto, a NUT buscou o apoio da GS1 Brasil. “Ter o código de barras nos produtos abre todas as portas, porque sem ele você não consegue transitar pelos clientes importantes”, afirma a fundadora da NUT, Cecília Campacci.

Atualmente, a empresa produz cerca de 4 toneladas de produtos por mês e conta com uma ampla linha de produtos, comercializando para restaurantes e os principais varejistas do País.

Por conta dessa trajetória de sucesso, a NUT ganhou o Prêmio Automação 2019, na categoria Empreendedorismo. “Receber este prêmio da GS1 é uma honra, uma alegria”, comemora Cecília.

Assista ao case da NUT

Sustentabilidade

Todas as empresas vencedoras do Prêmio Automação 2019 estão alinhadas com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), definidos pela Organização das Nações Unidas (ONU) a serem atingidos até 2030.

O case da NUT Biscoitos contribui para o cumprimento dos ODS:

  • n° 2 – Fome Zero e Agricultura Sustentável, cujo objetivo é acabar com a fome, alcançar a segurança alimentar e melhoria da nutrição e promover a agricultura sustentável;
  • n°8 – Trabalho Decente e Crescimento Econômico, que visa promover o crescimento econômico sustentado, inclusivo e sustentável, emprego pleno e produtivo, e trabalho decente para todos;
  • n°9 – Indústria, Inovação e Infraestrutura, que visa construir infraestruturas resilientes, promover a industrialização inclusiva e sustentável, além de fomentar a inovação.

*A foto de abertura retrata a entrega do troféu do Prêmio Automação 2019 para os representantes da NUT.

Foto: Marco Flavio/Orquestra de Imagens

Tags