Escreva para pesquisar

Dia do Consumidor: 6 dicas para aprimorar o relacionamento

A verdade é que todos nós queremos ser importantes e valorizados.

Ao adquirir um produto ou serviço, esse tratamento é ainda mais fundamental, como forma de garantir uma experiência marcante, satisfação e a tão importante recomendação “boca a boca” para amigos e familiares.

O assunto se torna ainda mais importante neste Dia do Consumidor, celebrado hoje, em 15 de março, quando as Pequenas e Médias Empresas (PMEs) têm a oportunidade de rever as estratégias de relacionamento com os clientes.

Por isso, nesta matéria especial do Portal de Notícias da GS1 Brasil, trazemos 6 dicas que você precisa saber para ampliar o relacionamento com o consumidor e, consequentemente, vender mais. Confira!

1 – Esteja nos Marketplaces

entregas marketplaces

Os marketplaces podem ser o início da jornada para o universo de vendas online para muitas PMEs.

“As plataformas abrem a possibilidade para que mais pessoas conheçam os produtos e serviços ofertados pelas PME. Exemplo disso: posso trabalhar como artesão em MG, mas enviar produtos para todo o país. Assim, mais pessoas passam a conhecer o meu negócio”, disse o partner da Sponsorb, professor e especialista em negócios, transformação digital e experiência do cliente, Fernando Moulin.

2 – Padronize seus produtos

futuro do código de barras

Para que os varejistas entrem nos marketplaces é necessário informar chaves de identificação únicas para cada item anunciado, seja ele de marca própria ou não.

Apesar de ser uma obrigação, o código de barras pode trazer uma série de vantagens aos lojistas.

“Com ele, o consumidor consegue visualizar diversos detalhes sobre o produto, como cor, tamanho, origem, entre outras. Além disso, o processo de aprovação de anúncios dos sellers nos marketplaces é acelerado; e é possível aprimorar as ferramentas de cadastro, sendo mais fácil identificar a quantidade no estoque e preços praticados, garantindo mais controle nas vendas. A GS1 Brasil pode ajudar indústria e varejo nesse processo, fornecendo códigos de identificação únicos e universais”, comenta a gerente de negócios da GS1 Brasil, Ana Paula Maniero.

3 – Seja multicanal

Omnichannel

Além de estar presente no marketplace e investir na padronização, tenha ou aprimore também o seu e-commerce, ou seja, seu canal próprio de venda.

“Mas é importante entender a complementaridade de tudo. O e-commerce é mais um canal que complementa o marketplace, uma via de venda física, de televendas e outros. Seja omnichannel, ou seja, multicanal e aumente suas vendas”, ensina o Diretor de Customer Experience da web.art group, Edmilson Maleski.

4 – Trabalhe seu ecossistema de Dados

código de barras

Além de aproveitar os canais digitais e físicos de venda é necessário que o varejista tenha inteligência de dados na empresa, pois ela que vai nortear as tomadas de decisões importantes do varejista e o relacionamento com o consumidor.

“É um investimento que precisa ser feito, mas que se paga com uma tomada de decisão muito mais estratégica e que, de fato, gera retorno em termos de resultado. Ter inteligência de dados para, por exemplo, entender quem tem mais propensão de comprar , quem tem realmente a dor que o seu negócio resolve, é algo que pode alavancar as vendas e permitir que essa empresa alcance seus objetivos de crescimento de forma mais rápida, inteligente e precisa”, destaca o diretor de inovação e evangelismo da Cortex, Cláudio Bruno.

5 – Amplie seu mix de produto

gestão

Com os dados dos consumidores em mãos e suas preferências, será mais barato você conquistar um consumidor da sua base do que conquistar um novo.

Por isso, dê amplitude no portfólio, oferecendo mais itens complementares aos clientes.

“Desta forma, você consegue se relacionar ainda mais com os clientes ativos sem perder de vista novas oportunidades com os clientes que estão chegando, afirma o sócio fundador da 2gether group”, Leonardo Pazzini.

6 – Avalie seu pós-venda

e-commerce

Por fim, a experiência do consumidor é o relacionamento dele com todas as etapas.

A experiência é desde a navegação, fechamento da venda até a entrega e a utilização do produto.

“Tenha uma equipe de atendimento treinada e que saiba como resolver os problemas dos clientes de forma rápida e satisfatória”, finaliza Edmilson Maleski.

Foto: iStock

Leia também

68% pretendem comprar no Dia do Consumidor pela 1ª vez

 

Tags