Escreva para pesquisar

E-commerce: 4 erros que prejudicam as vendas e como evitar

Empresas que não possuem um e-commerce, atualmente, acabam tendo seu crescimento prejudicado a médio e longo prazo, na análise do CEO da iOBEE, ecossistema de soluções em marketing digital e tecnologia, Renan Cardarello.

Para ele, pode parecer exagerado, mas essa é uma realidade global enfrentada pelos empreendimentos devido ao avanço constante da digitalização. Realizar compras online se tornou um hábito de diversos consumidores pelas facilidades possibilitadas por estes canais – mas, assim como uma loja física, ele merece os mesmos cuidados em aspectos essenciais à jornada do cliente, para que evitem erros que prejudiquem suas vendas e, consequentemente, sua prosperidade no mercado.

Cardello observa que é muito comum observar empreendedores que abrem seus negócios no ambiente virtual acreditando que, por ser uma tendência de compras em escala mundial, o simples fato de colocar o site no ar fará com que os produtos ou serviços se vendam por si só. Afinal, a preferência por esse canal é nítida: hoje, 62% dos clientes fazem de duas a cinco compras online por mês, além de 85% dos brasileiros que compra, pelo menos, uma por mês na internet, segundo dados da pesquisa “E-commerce Trends 2024”.

Segundo o especialista da iOBEE, aqueles que se inserem nesse ramo precisam compreender que o e-commerce é uma nova operação assim como uma loja física, e para que opere como uma ferramenta de vendas assertiva, precisa ter a mesma atenção no que se refere ao atendimento, ambiente de compra que o usuário entende, entre outros fatores indispensáveis para uma boa experiência que atraia e fidelize cada vez mais consumidores.

4 erros que podem prejudicar bons resultados no e-commerce

Acompanhem as dicas do CEO da iOBEE, Renan Cardarello.

1. Falta de pesquisa de mercado

Os preços dos produtos ou serviços do seu e-commerce não podem ser diferentes do valor usual praticado pelo mercado. Se não, sua empresa pode até atrair clientes interessados, mas dificilmente conseguirá converter leads e ter bons resultados de vendas. Antes de lançar sua plataforma, pesquise a fundo seu segmento e as práticas adotadas por seus concorrentes, para que tenha uma maior noção dos preços coerentes que deve adotar.

2. Frete não competitivo

Quem nunca considerou finalizar ou não uma compra pelo valor do frete? Muitos dos abandonos de carrinho no e-commerce ocorrem devido a valores não coerentes neste aspecto, o que o torna um fator extremamente importante de ser analisado ao disponibilizar seus produtos online. Preços mais acessíveis de frete, certamente, contribuirão para a retenção de cada vez mais usuários, evitando que busquem o concorrente por opções mais em conta para seu bolso.

3. Demora na entrega dos produtos

Cerca de 69% dos consumidores afirmam serem menos propensos a buscar novamente pela empresa se um item que compraram não for entregue no prazo, segundo um estudo da Website Magazine. Seja por erros em logística, estoque ou fatores variados, atrasos no tempo estimado de entrega ao cliente são extremamente prejudiciais a qualquer negócio, e devem ser uma prioridade de administração.

4. Falta de ofertas que incentivem as primeiras compras

Promoções são sempre muito bem-vindas em todo estabelecimento, principalmente, como uma forma de atrair e incentivar a primeira compra de futuros clientes. No e-commerce, essa é uma prática muito fácil de ser implementada, principalmente através de cupons com descontos para novas aquisições. Aquelas que não prezarem por esse cuidado, terão mais dificuldade em atrair usuários e retê-los à sua marca.

Esses são apenas alguns dos maiores erros que podem prejudicar seriamente as operações dos negócios no ambiente virtual. Para evitar que eles aconteçam, é necessário fazer um bom plano estratégico e entender, acima de tudo, que um e-commerce é uma operação tão complexa quanto uma loja física – mas que, se for bem estruturado, será capaz de trazer resultados escaláveis e excelentes para a prosperidade do negócio.

Para fortalecer ainda mais essa conquista, é importante contar com o apoio de ferramentas de mensuração das ações instauradas, que permitam acompanhar o crescimento das vendas e, com isso, adaptar constantemente as estratégias favoravelmente a objetivos cada vez melhores. Quanto mais estruturado for seu e-commerce se atentando a esses cuidados, maior a chance de se tornar um verdadeiro empreendimento de sucesso.

Foto: iStock

Leia também

6 benefícios para impulsionar suas vendas com chatbots

 

Tags