Escreva para pesquisar

Estudo: Comunicação sobre ESG será cada vez mais necessária

Comunicar de forma clara e eficaz as práticas de ESG (Ambiental, Social e de Governança) nos negócios será uma necessidade para as corporações em 2024.

É o que aponta análise encomendada pela Due, empresa de gestão de negócios e representação comercial, por meio da sua plataforma de conhecimento, a Due Insights.

Segundo Flávio Ferrari, especialista em cenários futuros, professor da ESPM e realizador do estudo, a sociedade espera que as grandes organizações tornem o mundo um lugar melhor para viver.

“Além de colocar em prática seus discursos (walk the talk), o grande desafio será explicar a relevância de suas ações para os steakholders (talk the walk), obtendo seu engajamento e suporte”, diz Ferrari que compilou dados do Estudo Pacto Global 2022 da plataforma Stilingue, da Pesquisa Líderes de Negócio (2023) – Data Makers e da Kantar Worldpanel.

Estudo ESG

desafios ESG

A análise revela que 47% dos consumidores acredita que o tema ambiental tem maior relevância, seguido de social para 29% e governança para 24%.

Em agosto de 2023, houve 55 mil publicações coletadas sobre o tema. A Amazônia lidera as buscas com 16%, seguida de ESG com 15% e corrupção com 11%.

Além disso, 78% dos acessos foram realizados por meio do computador, o que revela uma intenção de dedicar mais tempo à pesquisa.

O estudo também aponta algumas barreiras, que indicam a necessidade de uma comunicação eficaz em que as lideranças – 56% dos líderes pretende participar diretamente de iniciativas de ESG — devem considerar.

Entre as dificuldades estão a falta de conhecimento para 49%, pressão por resultados de curto prazo para 48%, 46% acham que faltam profissionais preparados, para 45% o tema não é prioridade e a liderança não está comprometida para 41%.

“É preciso simplificar a comunicação para que a sociedade entenda os reais benefícios da sustentabilidade”, diz Fátima Rendeiro, Head of Market Intelligence da Due. “Apesar de estar nas pautas corporativas, é um tema pouco entendido e tem muitas marcas que falam pontualmente e não incluem em suas estratégias de divulgação.” O estudo foi apresentado ao mercado de comunicação de Brasília e do Rio de Janeiro e pode ser solicitado pelo e-mail institucional@soudue.com.br.

Como a sua empresa garante a conformidade e confiabilidade das práticas ESG?

A GS1, através da Korde, sua iniciativa em consultoria, habilita a gestão ESG conduzindo negócios no controle e gerenciamento de dados estratégicos de sustentabilidade, por meio de sua expertise em rastreabilidade e automação.

A Korde pode ajudar sua empresa a identificar pontos de vulnerabilidade e oportunidades de melhoria para gestão ESG.

Clique aqui para saber mais.

Foto: iStock

Leia também

InpEV e GS1: inovação em tecnologia na economia circular

 

Tags