Escreva para pesquisar

Índice GS1 Brasil de Atividade Industrial cresce 37,7% em julho

No mês de julho, o Índice GS1 Brasil de Atividade Industrial – que mensura a intenção de lançamento de produtos – apresentou aumento de 37,7% na comparação com o mês anterior, considerando o dado livre de efeitos sazonais. Já no acumulado de 12 meses, o índice registrou queda de 18,2%, tendência também identificada no acumulado do ano (-17,2%).

tabela indice gs1 brasil atividade industrial julho 2020“O resultado da intenção de lançamento de produtos apresentou crescimento pelo terceiro mês consecutivo, no entanto, a evolução dos últimos meses não foi o suficiente para compensar as perdas acumuladas desde janeiro. A retomada gradual das atividades na maioria das cidades brasileiras tem influenciado a confiança do empresariado que tenta se adaptar ao novo normal”, comenta a CEO da GS1 Brasil, Virginia Vaamonde.

Setor de bebidas em alta

O Índice GS1 Brasil de Atividade Industrial acompanha a intenção de lançamento de produtos em vários setores. A área de bebidas, por exemplo, apresentou o melhor resultado em julho, com crescimento de 84,6% na intenção de lançamentos de produtos, seguida pela categoria produtos diversos (brinquedos, jogos, artefatos esportivos e joias) com alta de 66,7%.

indice gs1 de atividade industrial julho 2020 tabela setores

Norte é destaque entre as regiões do País

Entre as regiões, o Norte registrou aumento de 76% na intenção de lançamento de produtos em julho, na comparação com o mês anterior. O Sudeste também teve um resultado positivo, com alta de 31,9%.

indice gs1 de atividade industrial julho 2020 tabela regiões do brasil

Metodologia do Índice GS1 Brasil de Atividade Industrial

Elaborado pela GS1 Brasil, o indicador mede a intenção de lançamento de produtos no País. A amostra envolve indústrias associadas à entidade que atuam em vários setores, como bebidas, fumo, têxteis, calçados, papel e celulose, produtos farmacêuticos, equipamentos de informática, eletrônicos, etc., atividades descritas nas divisões de 10 a 33 da Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.

O índice é atualizado no primeiro dia útil de cada mês e pode ser utilizado por consultorias especializadas, bancos, empresas, órgãos governamentais ou qualquer pessoa que queira acompanhar indicadores antecedentes a fim de realizar estudos de acompanhamento ou previsão de mercado.

Para conferir a série histórica, acesse: www.gs1br.org/dados.

Foto: Getty Images

Tags

Send this to a friend