Escreva para pesquisar

Índice GS1 de Atividade Industrial tem queda em setembro

O Índice GS1 Brasil de Atividade Industrial de setembro de 2019 registrou queda de 1,1% comparado ao mês anterior, considerando o dado livre de efeitos sazonais. Elaborado pela GS1 Brasil em parceria com a 4E Consultoria, o indicador mensura a intenção de lançamentos de produtos no País.

No acumulado dos últimos 12 meses, o índice caiu 5,5% e, na comparação com setembro de 2018, a queda foi de 14,3%. Essa tendência também foi verificada no acumulado de janeiro a setembro 2019, com recuo de 1,7% em relação ao mesmo período de 2018.

tabela indice gs1 de atividade industrial setembro 2019

“O desempenho do índice para o mês de setembro apresentou valores abaixo dos resultados obtidos em 2018 e na comparação com o mês de agosto deste ano. Esse movimento ocorre, respectivamente, devido à forte recuperação observada no ano passado para o período e à tendência natural de desaceleração no lançamento de novos produtos para o mês atual”, afirma a CEO da GS1 Brasil, Virginia Vaamonde.

Destaques setoriais em setembro

No mês de setembro de 2019, foram registradas altas em Vestuário e Acessórios (32,2%) e Produtos Diversos (36,1%), categoria composta pela fabricação de brinquedos, jogos, artefatos esportivos e joias. Os dois setores vêm registrando números positivos nos últimos 12 meses.

Por outro lado, o segmento Têxtil apresentou índice negativo de 45,5% em setembro, e acumula uma queda de 0,8%  em 12 meses.

tabela setorial indice de atividade industrial setembro 2019

Metodologia do Índice GS1 Brasil de Atividade Industrial 

Elaborado pela GS1 Brasil em parceria com a 4E Consultoria, o indicador mede a intenção de lançamentos de produtos no País. A amostra envolve indústrias associadas à GS1 Brasil que atuam em vários setores, como bebidas, fumo, têxteis, calçados, papel e celulose, produtos farmacêuticos, equipamentos de informática, eletrônicos, etc., atividades descritas nas divisões de 10 a 33 da Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.

O índice é atualizado no primeiro dia útil de cada mês e pode ser utilizado por consultorias especializadas, bancos, empresas, órgãos governamentais ou qualquer pessoa que queira acompanhar indicadores antecedentes a fim de realizar estudos de acompanhamento ou previsão de mercado.

Para obter as tabelas completas , acesse: www.gs1br.org/dados<http://www.gs1br.org/dados

 

Imagem: iStock

Tags

Send this to a friend