Escreva para pesquisar

L’Oréal incorpora QR Code Padrão GS1 em 7 bilhões de embalagens/ano

A L’Oréal, em parceria com a GS1 França, iniciou um processo audacioso de uso da tecnologia para democratização da informação.

A ideia é que o consumidor possa, por meio do QR Code Padrão GS1, aprimorar a experiência digital com as mais de 30 marcas envolvidas.  A ação, denominada Programa Beautytech, aplica o código bidimensional nas 7 bilhões de embalagens desenvolvidas anualmente pela L’Oréal.

De acordo com o diretor do programa Beautytech na L’Oréal França, Stéphane Lauzelle, um dos ganhos diretos desta operação está na satisfação do consumidor na experiência de compras. Afinal, ao acessar um QR Code da marca, é possível acessar tutoriais de uso de produtos ou promoções exclusivas, por exemplo. Outro benefício vem para as marcas, que têm a possibilidade de criar ações de marketing mais assertivas e direcionadas.

“Com os padrões da GS1, podemos fazer a ligação entre este produto físico e o mundo digital. Somos capazes de adaptar o conteúdo que oferecemos aos nossos consumidores e, dependendo da época do ano, realizar operações específicas para o Dia dos Namorados, Dia das Mães ou Natal”, exemplifica o executivo.

Outro ganho é a interação com o cliente em tempo real. “Alcançamos feedbacks dos consumidores de maneira simples e temos um engajamento muito forte, muitas interações e também uma melhor conversão”, reforça Lauzelle, acrescentando que quando os consumidores escaneiam e consomem as informações transmitidas pelo QR Code Padrão GS1 nos sites da marca, eles passam muito mais tempo usando aquele conteúdo, o que se traduz em uma melhor conversão nos e-commerces da empresa.

E apesar da grandiosidade do projeto, a escolha pelos padrões da GS1, segundo  Lauzelle, facilitou as operações.

“É claro que essa ação requer organização, mobilização de equipes e uma verdadeira vontade da alta direção, que impulsiona este programa de forma significativa. Dado este passo, o QR Code Padrão GS1 é muito simples e claro. Então é só uma questão de definir bem quais experiências queremos implementar”, analisa o executivo.

Aplicação do projeto da L’Oréal se estende ao Brasil

L'Oréal

A ideia é que a aplicação dos QR Codes padrão GS1 se estendam aos 70 países nos quais a L’Oréal está presente e o Brasil é um deles.

“O processo teve início na matriz da L’Oréal, na França, e está sendo gradualmente estendido a outros países e marcas do grupo, com o objetivo principal de oferecer embalagens mais informativas aos consumidores”, lembra o executivo de negócios (Desenvolvimento Setorial) da GS1 Brasil, Gustavo César Tarallo, reforçando os benefícios do Código Bidimensional.

No Brasil, a aplicação do QR Code teve início em novembro de 2023, impulsionada também pela RDC 773/2023, da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que autorizou a inclusão desta solução para acesso do consumidor à composição em português do produto quando esta não estiver contida na embalagem.

Tarallo reforça a importância que o QR Code tem ganhado nos negócios em todo o mundo, anunciando uma tendência. “É possível prever uma maior capacidade de obtenção de informações dos consumidores por meio dos canais digitais, o que pode impulsionar análises de dados e estratégias de marketing mais eficazes”, diz.

Para mais informações sobre os benefícios do QR Code/Código 2D, acesse: www.codigo2d.com.br/o-que-e.

Foto: iStock

Leia também

Código 2D: o que é e quais as vantagens aos negócios?

Tags