Escreva para pesquisar

A Receita Federal anunciou hoje (25) que vai adiar por três meses o pagamento de impostos de Micro e Pequenas Empresas (MPEs), e de microempreendedores que fazem parte do Simples Nacional (Federais, Estaduais e Municipais).

O objetivo da medida é minimizar os impactos do agravamento da pandemia nesses grupos.

Os pagamentos com vencimento em abril, maio e junho foram adiados para a partir de julho. Os três meses poderão ser quitados, então, em seis parcelas.

A prorrogação acontece da seguinte forma:

  • O período de apuração realizado em março de 2021, com vencimento original em 20 de abril, poderá ser pago em duas quotas iguais, com vencimento em 20 de julho e 20 de agosto deste ano.
  • O período de apuração realizado em abril de 2021, com vencimento original em 20 de maio de 2021, poderá ser pago em duas quotas iguais, com vencimento em 20 de setembro e 20 de outubro, também deste ano.
  • Já o período de apuração maio de 2021, com vencimento original em 21 de junho, poderá ser pago em duas quotas iguais, com vencimento em 22 de novembro e 20 de dezembro de 2021.

Foto: iStock

Leia mais

MEI: você tem direito ao novo auxílio emergencial? 

 

Tags